Vice-presidente do SinPsi Cinthia Vilas Boas fala sobre saúde mental em tempos de confinamento

Na última quarta-feira (1) a vice-presidente e diretora do SinPsi Cinthia Vilas Boas participou de um debate no Jornal Litoral, da Rádio Litoral FM, sobre saúde mental em tempos de pandemia e quarentena.

Para além dos cuidados práticos como não sair de casa e usar máscaras quando precisar sair para qualquer atividade como fazer compras, Cinthia alerta também que as políticas públicas vão precisar ter uma atenção maior com questões da saúde mental como ansiedade e depressão.  

“Se a gente não tiver políticas de saúde pautadas na vida, a gente não vai estar se preparando pra isso de uma maneira ideal. Antes de pensar em transtornos de ansiedade ou depressão, temos que pensar na pessoa, a gente precisa parar de tratar isso somente como patologia. E depois de tudo que está acontecendo nessa pandemia, a gente precisa ressignificar nossa relação com o tempo, contato e conteúdo de vida. Vamos precisar revisitar a memória e tudo o que a gente passou porque os afetos serão diferentes”, explicou.

Cinthia também destacou que a dor do sofrimento será significada de diversas formas pelos diferentes grupos sociais e que será necessário abordar essas questões de formas distintas. 

“A dor do sofrimento vai ser reconhecida a partir do seu grupo social e do poder de pertencimento. Vai depender muito do repertório que cada um tem. Por exemplo, o que será que a população de rua e carcerária sente quando ouve: fica em casa? Como será que a população negra, ribeirinha e indígena se sente? Temos que debater isso levando em conta o econômico, o social e as posições de privilégio”, encerrou.

Assista abaixo a participação da Cinthia no programa:   

https://youtu.be/IcruCq5vQhk?t=5364

Imprensa

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of