Notícias

Livro infantil conta história da doença de Alzheimer

Com o crescimento da incidência da doença, autora encontra formas delicadas e consistentes para explicar o assunto às crianças

A doença de Alzheimer tem sido tema cada vez mais frequente nos serviços de saúde, na mídia e mesmo nas famílias. Não por acaso: com o aumento da estimativa de vida da população, cada vez mais pessoas estão sujeitas a enfrentar o tipo mais comum de degeneração à medida que envelhecem. Segundo dados divulgados pela Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz), o crescimento da incidência da doença entre idosos praticamente dobra a cada 20 anos.

A previsão é que o número de pacientes com o diagnóstico chegue a 65,7 milhões em 2030 e a 115,4 milhões em 2050. Não é de estranhar, portanto, que o tema tenha se tornado também “assunto de criança” – afinal, a probabilidade de os pequenos conviverem com avós, tios e outras pessoas próximas com esse quadro é bastante grande.

Em Alzheimer – A história da doença e a vida do médico que a descobriu, a autora espanhola Maria Ángeles Sánchez-Ostiz encontra formas delicadas – e ao mesmo tempo consistentes – para abordar o assunto. Ilustrado pela desenhista Maria Luisa Sánchez-Ocaña Fernandez, o livro traz o diário do simpático cachorrinho Wurst, vizinho da família de Alois Alzheimer na infância do futuro descobridor da doença, informações científicas apresentadas de forma lúdica e acessível, além de jogos para exercitar a memória. Um livro para aprender e brincar. 

Alzheimer – A história da doença e a vida do médico que a descobriu
M. A. Sánchez-Ostiz. Paulinas, 2013
144 páginas
Preço estimado: R$ 57,90

Deixe um comentário