Bolsonaro desiste de decreto que privatiza UBS. Mas a luta continua

Foi publicado na última terça-feira (27) na Diário Oficial da União o decreto 10.530 que liberaria a equipe econômica para fazer um projeto de privatização das Unidades Básicas de Saúde pelo país. A decreto, na prática, avançava no debate da privatização do Sistema Único de Saúde (SUS). 

No fim da tarde o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou a revogação do decreto. Temos que comemorar essa revogação, que foi decidida depois de grande mobilização de entidades, sindicatos, conselhos e sociedade civil, mas a luta continua. A sanha de Bolsonaro e Paulo Guedes em desmontar o serviço público brasileiro não vai parar por aí. Temos que ficar atentos!

O SinPsi estará atento e denunciará a qualquer manobra que leve ao enfraquecimento do SUS em sua natureza pública e universal.  

Imprensa

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of